1. Princípio de plantar e colher

Lembrete: polegar.

Faz-se os buracos com o polegar para se plantar sementes de ameixa.

"Nasceu um monte de ameixeiras!!! Mas por que? Eu odeio ameixas! Tinha esperança de que nascessem maçãs!... mas plantei ameixas."

Quando se fala em uma semente, deve-se hoje mesmo imaginar a árvore e seus frutos - as conseqüências. Raciocine e seja prudente. Seja sábio!

Se eu fumar, terei como conseqüências câncer, tuberculose, dentes escuros, mau hálito.

Pessoas que dizem "posso namorar uma pessoa não cristã" são pessoas que não vêem o quadro todo, com suas conseqüências no futuro.

Tudo que eu faço no namoro trará conseqüências, dará frutos, cedo ou tarde.



2. Princípio do fogão

Lembrete: dedo indicador.

Fico usando o indicador para colocar a mão no forno à lenha quente.

"Ah! Eu sou mais esperto que os outros! Todo mundo põe a mão na chapa e se queima. Eu vou provar que não me queimarei!"

"Coloco saliva no dedo, e... psst! Viu? Não me queimei! Mais um pouco de saliva, e... psst! Viu só? Há! Não me queimei! Olha!!! psst!... psst!... psst!... Não queimou, não queimou!!! Olha! psssst! Aaaiiii! Auuu, me queimei, me queimei..."

Há dois tipos de pessoas: as que vêem os outros se queimarem e pensam "se eu fizer isto, também vou me queimar" e as que pensam que são mais fortes e inteligentes que os outros, e acham que nunca o que aconteceu aos outros poderá acontecer com ela.

As primeiras aprendem com os que se queimaram. As outras são prepotentes. Não dão valor a conselhos (mesmo bíblicos, como Provérbios 6:25, 27-28) e acham que errar de vez em quando não é tão grave: não viciará nem trará conseqüências e, afinal, "eu tenho o controle da situação" - até o dia de não o terem mais...

Se eu nunca namorar uma pessoa não cristã terei quase certeza de que não me casarei com uma pessoa não cristã.



3. Princípio do central

Lembrete: dedo central.

O maior dos dedos, que está no centro, é o dedo central. O primeiro dedo a tocar é este.

"Estamos fazendo algo juntos para Cristo?"

"Quem é o centro da nossa vida e dos nossos relacionamentos?" Se sou cristão e tenho um namoro cristão, então estou afirmando que ele é o centro de minha vida e do meu namoro.

"Amo mais a Cristo ou a minha mãe?" Se minha mãe estivesse na nossa frente quando estamos sozinhos (nos amassando, por exemplo), eu me envergonharia? Mas Jesus sempre está comigo!

Jesus deve estar sempre entre nós. Não peça licença para Ele em hipótese alguma!

Lembre-se do primeiro dedo a tocar: que seus toques sejam santos.



4. Princípio da aliança

Lembrete: dedo do anel, da aliança do casamento.

Sinceramente, só saberei se casarei com a pessoa que está ao meu lado quando estiver casado. Portanto, o que temos feito juntos?

Levarei para o casamento as conseqüências de tudo o que fiz antes dele, sozinho ou com outras pessoas.


5. Princípio do rebaixamento

Lembrete: dedo mindinho.

Não rebaixe os seus padrões de namoro. Estabeleça padrões e não os viole.

Planeje com antecedência o que vai e o que não vai fazer no namoro. Saiba com quem vai e com quem não vai namorar.

Se decidir não estabelecer padrões de namoro, o que fazer quando alguém não temente a Deus te convidar a fazer coisas ou ir a lugares impróprios? Não pensarei: "Na igreja ninguém se interessa por mim... aquele rapaz não é da igreja mas tá tão afim de mim... me convidou para sair... vou namorar com ele!"

Se estabeleço padrões, nem esquento a cabeça: a resposta já está determinada! E Deus honrará minha atitude!

Elevar meus padrões não é a chave para conseguir namorados, mas para conseguir-se um cônjuge melhor. 

  1. O número DEVERÁ estar cadastrado no WhatsApp.
  2. Nome Completo(*)
    Entrada Inválida
  3. DDD + Telefone(*)
    Entrada Inválida
  4. Email(*)
    Entrada Inválida

Assine News

Inscreva-se para receber POR E-MAIL diariamente nossa palavra.
Nome
E-mail
Confirme E-mail


Artigos

Doe Agora

eBook - Livros!

   

Visitantes Online

Temos 160 visitantes e Nenhum membro online

Deus se importa

Se você precisa de uma palavra abençoadora para o seu coração, então clique AQUI.

Recursos

banner-monte-sinal